http://geishagourmet.com/2012/07/17/con-Franz-Haas-nel-suo-Nuovo-Vigneto-Piu-alto-DEuropa-sopra-Aldino/

Com Franz Haas na sua vinha nova, o mais alto da Europa, feita com variedades clássicas, na Aldino

por Terça-feira, Julho 17, 2012

Agradeço o Presidente Ais Umbria, Sandro Camilli, Se eu pudesse passar algumas horas na companhia de Franz Haas, um dos mais famosos produtores sul tirolês.

O tempo disponível não era muito, e depois fomos direto ao ponto. Mudança climática resultou em um aumento das temperaturas no território sul tirolês (5mila ettari totali vitati per una produzione di 25 milioni di bottiglie all’anno): un dato preoccupante per molti vitigni, in primis per il Pinot Nero. Così il buon Franz, ancora alcuni anni fa, aveva deciso di mettersi a caccia di terreni in alta quota. Una volta trovati, vi tralascio il racconto delle trafile burocratiche (è arrivato solo da pochissimo la possibilità di piantare vigneti a qualsiasi quota, prima c’era il limite dei 500 mt slm), a febbraio 2012 è partita la sperimentazione. O 12 ettari di futuro vigneto «probabilmente il più alto d’Europa fatto con vitigni classici, conta su un terreno composto per il 19% da argilla: perfetto per ottenere un Pinot Nerocon le palle” – spiega Haas, qui sopra mentre mostra il nuovo vigneto sperimentaletra questa zona, logo acima da aldeia de Aldino apostas 1150 mt slm, e meus Maharani vinhas existem 900 metros de altitude, 4 horas de sol em adição aqui e uma temperatura completamente diferente, claramente mais fresco. Agora nós deve experimentar, em meio hectare de Pinot Noir plantadas, efeitos de luz. Se tudo correr bem, no próximo ano vamos experimentar outro hectare de vinhas, Esta uva branca do tempo».

O 12 hectares sobre Aldino mentem só adjacentes para o Eggerhof, uma empresa que produz 8.000 ovos orgânicos por dia.

E depois há o sonho. O Corno do Monte, Tem na sua maioria composta de dolomita: "E’ reserva natural, Mas se conseguíssemos algum vinhedo, Então nós temeremos a Borgonha».

0
1 Resposta
  • Fátima de Luca
    Julho 18, 2012

    Entre “sonhos e fantasias”, no vidro tanta substância e humilde opinião , o paradigma do italiano Pinot Noir.

O que você acha?

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *